A Palavra Eterna

“No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus… E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós.” (João 1.1 e 14)

Pelo fato de sermos limitados pelo tempo e espaço, temos dificuldade de formularmos uma concepção sobre a eternidade passada. No entanto, antes de qualquer começo, não importa quão antigo possa ter sido, o Senhor Jesus já era Deus Filho. O “Verbo”, como Ele é chamado nos versículos acima, nunca conheceu o começo.

O que entendemos sobre o termo “Verbo” quando aplicado à Cristo? Assim como expressamos nossos pensamentos e sentimentos por meio de palavras, assim o Senhor Jesus é a perfeita revelação de Deus. E o Verbo eterno se tornou homem. Ele, que não teve começo, entrou na esfera limitada pelo tempo e espaço, tornando-Se ser humano a fim de revelar Deus para a humanidade. Em tudo o que o Senhor Jesus fez e disse podemos reconhecer quem Deus é.

Mas o Senhor não mostrou apenas a essência do caráter de Deus. Ele cumpriu todos os desígnios divinos também. Sua vida perfeita, Sua morte vicária e Sua gloriosa ressurreição abriram o caminho para Deus. E essa é a razão pela qual pôde afirmar aos Seus discípulos: “Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim” (João 14.6). E quanto à própria vida, Ele disse: “E a vida eterna é esta: que te conheçam, a ti só, por único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste” (João 17.3).

E para que O conheçamos melhor, Deus nos deu Sua Palavra, a Bíblia. O Antigo Testamento é repleto de referências proféticas à Ele, enquanto o Novo Testamento nos mostra Sua vida e os resultados de Sua morte expiatória e ressurreição.

(Fonte: agenda Boa Semente 2012)

Anúncios

Todos os caminhos levam a Deus… será?!

Marcos 1.15

Marcos 1.15

“Porque não tenho prazer na morte do que morre, diz o Senhor Deus; convertei-vos, pois, e vivei.”

É incrível como damos tantas voltas, para encontrar o “Ser Superior” e termos paz!
Deus está tão perto, mas parece que ninguém vê!! Ninguém O encontra. Ninguém O quer!!
Vamos tão longe,… eu diria, que vamos sempre pelo caminho mais fácil.
Afinal,.. seria mais fácil se o pecado não existisse, se os “santos” (ou seja, pessoas mortas!!!) nos respondessem e levassem nossas orações a Deus, se os tais “espíritos superiores” nos ajudassem de fato… seria tão mais fácil se fosse verdade essa ladainha de que “todos os caminhos levam a Deus”…

Mas em Sua Palavra, Deus é claro!! Nem precisamos interpretá-la. Deus, o CRIADOR e ÚNICO SENHOR é tachativo!!!!

CONVERTEI-VOS ao SENHOR!! Note: AO SENHOR!
O caminho é UM SÓ. O SENHOR é UM SÓ. E só pode ser encontrado por um ÚNICO MEIO.

Porque é tão difícil entender???
Será, que você acha que Deus é “tão mal” assim a ponto de preferir a criatura e não o criador?
As tags acima, nos trazem a Palavra de Deus. Agora você já conhece. Já sabe qual é o desejo de Deus para sua vida!

O que você vai fazer a partir de agora?

O valor mais precioso que podemos ter em nossa vida, é o SENHOR!
A maior alegria que podemos ter, é a de servir AO SENHOR!

“Porque não tenho prazer na morte do que morre, diz o Senhor Deus; convertei-vos, pois, e vivei.”

(Autoria: Tthatthy)

Fé e Paciência

Paciência e fé caminham juntas, de mãos dadas. São dois remos do mesmo barco.

“Queremos que cada um de vocês mostre essa mesma prontidão até o fim, para que tenham a plena certeza da esperança, de modo que vocês não se tornem negligentes, mas imitem aqueles que, por meio da fé e da paciência, recebem a herança prometida.

Quando Deus fez a sua promessa a Abraão, por não haver ninguém superior por quem jurar, jurou pos si mesmo, dizendo: “Esteja certo de que o abençoarei e farei numerosos os seus descendentes”. E foi assim que, depois de esperar pacientemente, Abraão alcançou a promessa” (Hebreus 6.11-15)

“Abraão, contra toda esperança, em esperança creu, tornando-se assim pai de muitas nações, como foi dito a seu respeito: “Assim será a sua descendência”. Sem enfraquecer na fé, reconheceu que o seu corpo já estava sem vitalidade, pois já contava  cerca de cem anos de idade, e que também o ventre de Sara já estava sem vigor. Mesmo assim, não duvidou nem foi incrédulo em relação à promessa de Deus, mas foi fortalecido em sua fé e deu glória a Deus, estando plenamente convencido de que ele era poderoso para cumprir o que havia prometido. Em conseqüência, “isso lhe foi creditado como justiça”. As palavras “lhe foi creditado” não foram escritas apenas para ele, mas também para nós, a quem Deus creditará justiça, a nós que cremos naquele que ressuscitou dos mortos a Jesus, nosso Senhor” (Romanos 4.18-24)

“Esperei com paciência no Senhor e Ele se inclinou para mim e ouviu o meu grito de socorro” Salmos (40.1)

A maior dificuldade da Igreja é sustentar a mesma fé até o final. Quando a paciência sai por uma janela, a fé sai pela porta.

Você tem que sustentar a sua crença até ver o milagre acontecer!

Paciência não significa tempo de espera.
Paciência significa a sua atitude durante o tempo de espera.

Jesus, de certa feita, ensinou aos discípulos a Parábola da Viúva Persistente:

“Então Jesus contou aos seus discípulos uma parábola, para mostrar-lhes que eles deviam orar sempre e nunca desanimar.
(…)
Acaso Deus não fará justiça aos seus escolhidos, que clamam a ele dia e noite? Continuará fazendo-os esperar? Eu lhes digo: Ele lhes fará justiça e depressa” (Lucas 18.1 e 8)

Por isso, meu irmão, apegue-se  com firmeza às promessas de Deus para a sua vida. Se Ele prometeu, Ele é fiel!

“Apeguemo-nos com firmeza à esperança que professamos, pois aquele que prometeu é fiel” (Hebreus 10.23)

Não deixe a tua lógica e o sentimento da experiência vivida controlar a tua crença. Não leve em consideração o que acontece, mas o que a Palavra de Deus diz!

Lembre-se da filha de Jairo (Lucas 8:40-55)

A filha única daquele dirigente da sinagoga, estava muito doente, à beira da morte. E ele foi pedir que Jesus fosse à sua casa para ver a menina. O versículo 42 nos diz que Jesus já havia partido para a casa de Jairo, já estava a caminho. E, no meio do caminho, apareceu aquela mulher do fluxo de sangue, e aconteceu aquele milagre que “atrasou” Jesus para a casa de Jairo. Então, vieram avisá-lo de que sua filha havia morrido e não era mais necessário  que Jesus fosse até lá (v. 49). Mas Jairo, não atentando para as circunstâncias, mas confiando firmemente na Palavra do Senhor Jesus que lhe disse: “Não tenha medo, tão-somente creia e ela será curada” (v. 50), continuou crendo. Por causa da sua fé e paciência, Jesus entrou na sua casa e ressuscitou a sua filha (v. 51-54).

Talvez, nesse momento, algo tenha “morrido” na sua vida. Alguém pode ter dito a você que não tem mais jeito. Não adianta mais orar. Já é tarde demais.

Não olhe para as circunstâncias meu amado, creia nas promessas do Senhor. “Não tenha medo, tão somente creia” porque Jesus já partiu, Ele está a caminho, e vai entrar na tua casa! Ele  nunca chega atrasado.

(Autoria: Cláudia Duailibe)